“Igreja sobre rodas” evangeliza passageiros do Uber

Pastor-motorista usa aplicativo como plataforma de evangelização

O pastor Kenneth Drayton usa seu carro como uma verdadeira “igreja sobre rodas”, transformando seu ganha-pão em um local para a salvação de almas. Aos 54 anos, o líder religioso do Brooklyn, em Nova York, acredita que seu trabalho “abre a porta para entrar na vida dos passageiros”, e com isso sempre procura “iluminar o dia deles e dar-lhes conselhos”.

Ele explica que a experiência religiosa é oferecida desde que um novo passageiro senta no banco traseiro. “Eu toco apenas música clássica e meu carro está sempre impecavelmente limpo. Eles sentem a presença de Deus”, garante, acrescentando que o clima no automóvel é sempre de “paz e tranquilidade”.

Por isso, a maioria dos passageiros “começam a se abrir”, e Drayton prega a todos que mostram interesse. Ele é ligado ao Ministério Palavra de Esperança e diz ter acumulado muitas experiências positivas desde que começou a usar o Uber para complementar a sua renda.

Segundo Drayton, além de contar seus problemas, alguns pedem orações quando descobrem que o motorista também é pastor. “Essas experiências realmente me incentivam”, disse o motorista que começou a dirigir para a Uber em agosto passado.

Ele acredita que as pessoas apreciam o que ele faz, pois já possui mais de 1.000 classificações com 5 estrelas no aplicativo. No geral, sua classificação é de 4,8, disse ele. A pontuação máxima é cinco.

Ordenado desde 1986, ele está acostumado com críticas e disse não se importar com alguns que lhe deram nota baixa por não gostarem de sua tentativa de falar sobe o evangelho.

O pastor acredita ainda que os cristãos que dirigem Uber deveriam usar essa oportunidade para levar a Palavra a todos, já que muita gente não ouviria em outras condições.

Com informações New York Post

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.




 
%d blogueiros gostam disto: